Home  |  Inscrição Sócios  |  Apadrinhamentos  |  Inscrição Newsletter  |  Loja
Por Tierras d l Rei

O passeio é de dificuldade média e foi delineado tendo em conta a beleza paisagística do Planalto Mirandês, com passagem por antigos caminhos rurais e aldeias singulares. A elevada diversidade biológica, a realidade agro-pecuária tradicional e os aspectos histórico-arqueológicos e culturais bem marcados são razões mais do que suficientes para uma visita a esta região.

Valor da inscrição:

Sócio(a)/padrinho/madrinha do Burro de Miranda: 35€ 
Não sócio: 50€

Crianças com idades inferiores a 12 anos
 redução de 50% no valor da inscrição.

A inscrição inclui:
- Participação em todas as actividades do evento;
- Almoços e jantar;
- Seguro de acidentes pessoais.

INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ DIA 10 DE ABRIL!


Formalização da inscrição

- A sua inscrição só será validada após o pagamento. Caso efectue o pagamento por transferência bancária, agradecemos o envio do comprovativo para o e-mail burranco@gmail.com. Aos participantes inscritos que não compareçam no dia sem aviso prévio (sem justificação), não será devolvido o dinheiro.
 
A organização aconselha o uso de calçado e roupa confortável, própria para caminhar, lanche para o meio da manhã ou da tarde e água. Um impermeável pode ajudar se o tempo estiver chuvoso. Caso o dia seja de sol, aconselhamos a que traga chapéu e protector solar.
 
Se vier na companhia de crianças, não se esqueça de levar sempre uma reserva de água e um lanchinho para os possíveis atrasos no cumprimento dos horários das refeições.
 
O alojamento é da responsabilidade de cada participante.
 
Para mais informações, contacte-nos para :
 
AEPGA - Associação para o Estudo e Protecção do Gado Asinino 
Largo da Igreja 
5225 – 011 Atenor (Miranda do Douro)

Tel: 92 5790396 / 92 5790397
Email : burranco@gmail.com
 
_________________________________________________________________________________________
 
Apresentação do livro "Mil Novecentos e setenta e cinco"

Sinopse

Uma viagem improvável a uma aldeia imaginária do nordeste transmontano no ano de viragem de 1975, representada num romance por várias personagens que tentam recuperar formas de vida que estão a desaparecer, em contraste com um novo mundo que se impõe.

É um romance onde cabe tudo: amores tardios, mortes adiadas, fugas e regressos triunfais, infidelidades descobertas dentro de armários, alfaiates e coveiros desempregados, mulheres que lavam no ribeiro e rapazes que as espreitam, ferroviários, comerciantes e todos os deserdados e perseguidos que tentam subir as escadas dos antigos e dos novos proprietários. Novo livro de um vencedor do Prémio Agustina Bessa-Luís e onde se reconhecem as palavras de Miguel
Torga: "O universal é o local sem muros"
 
Autor

Nasceu no Funchal em 1979 e foi viver para Carviçais com apenas 9 meses. Estudou na telescola, andou em carroças, conduziu carros sem carta, fez corridas de motorizada sem capacete e aos 19 anos ingressou na Escola Naval. Regressou à vida civil para estudar na Faculdade de Farmácia e em 2007 começou a trabalhar como farmacêutico. No mesmo ano venceu o prémio Jovens Escritores e foi seleccionado pelo Clube Português de Artes e Ideias para uma residência em Praga. Escreveu a peça Checoslováquia e o livro Cartas de Praga, apresentado em Skopje em 2009. Depois disso nunca mais conseguiu largar os livros nem o teatro.

Venceu os prémios Daniel Faria e Natércia Freire em poesia e o Prémio Agustina Bessa-Luís em 2011 com o seu romance
 Trás-os-Montes. Participou em algumas residências literárias: Turquia, Tunísia, EUA, Repúblicas Bálticas e alguns dos seus textos foram publicados no Egipto, Eslovénia, Espanha e República Checa.
 
 
Espectáculo de dança e circo pela Companhia Isaurel

“TERRA”

TERRA representa “Um encontro sob chuva de argila, diálogo de corpos. Tocar, roçar, confrontar, afrontar largar, deixar, passar, voltar, equilibrar, harmonizar… Construir em conjunto. Corpos de hoje deambulando no passado… Corpos antigos que vivem ao meu lado e que viveram todas as transformações da terra. Evoluindo sobre, como e com a terra. Transformação devido ao trabalho e a matéria, um corpo por vezes animal, por vezes máquina escapando-se nos ares para uma dança suspensa… e as linhas espessas dos campos que sobem para a árvore”.

Ficha Artística
Intérpretes/criadores: Isadora Branco, Aurélien Chaillou.
Cenografia/figurinos: Lionor Dupic
Criação musical: Anthony Delestre, Franck Beaumard
Criação de Luz /Régie: Adrien Talon
Grafismo: Adéle Beauvineau
Produção: Un Pas De Côté | Coprodução: TCF Chemillé
 
Para mais informações: http://isaurel.com/?page_id=445&lang=pt-pt


Concerto

CALAGOUÇA

CALAGOUÇA é um trio composto pelos beirões Tiago Marques e Ricardo Santos e pelo mirandês Xavier Rodrigues. Estes músicos multi-instrumentistas partem da música tradicional portuguesa para uma viagem pelas músicas do nosso país e do mundo. A talhe de CALAGOUÇA surgem ainda temas dos mais variados contextos e também alguns originais. O resultado é uma ceifa de timbres e ritmos que se misturam no pão da alma: a música.
 
__________________________________________________________________________________________________

Concepção do cartaz: Gonçalo Mota